domingo, 2 de agosto de 2009

Berlengas à vista





Resolvi, após alguns anos de reflexão, arriscar o passeio às Berlengas, afinal ando sempre ali pela zona mas faltava-me a coragem por causa dos enjoos de que toda a gente fala. Desta vez pus a alma ao largo (e principalmente o estomago) e lá fomos até à ilha das Berlengas ao largo de Peniche. Fomos num barco semi-rígido que não sendo o ideal para quem tem medo da água, é o ideal para quem tem medo de enjoar. A viagem tornou-se extremamente rápida (20 minutos ao contrário dos 50 minutos dos barcos convencionais) e agradável. Para quem não conhece, na foto vê-se o Forte de S.João Batista e parte das escadas da minha desgraça...




Aqui mais uma imagem da ilha com uma das partes, quanto a mim mais bonitas porque....


... vejam lá bem se conseguem seguir a linha das escadas que nos levam ao cimo da ilha! A gruta que se vê é para aí a meio. Conseguem? Boa!! É que nós resolvemos subi-las porque queríamos ver o que havia lá em cima. Posso garantir-lhes que foi muito doloroso, não são só muitas escadas, são também muito altas e eu tenho as pernas curtas, mas lá chegámos ao cimo. E o que é que havia??? Nada! Ou melhor havia um farol, que estava fechado para visitas e de resto era terra árida como a que se vê nesta foto, gaivotas e olhando em volta, até onde a vista alcançava, era mar, só mar. Perdoem-me as pessoas que adoram as Berlengas, mas aquelas escadas são muito esforço para tão pouca recompensa. Descemos depois até à praínha com água transparente e no regresso não arriscámos o caminho a pé, alugámos um barco para dar a volta pelas várias grutas da ilha e ficámos no Forte onde estava o nosso barco que nos levaria de volta a Peniche.
O passeio valeu a pena, a viagem de barco (naquele barco) foi óptima, a ilha tem pontos bem interessantes mas não sinto necessidade de voltar, é daqueles sítios que eu digo "OK já conheço!"

19 comentários:

Teresa Vidinha disse...

Maria,
Vê as coisas pelo lado positivo: emagreces-te umas gramas e o "bumbum" ficou mais rigito...eheheh

Eu sei do que falas pois fiz uma visita de estudo aí e com o pessoal que trabalha lá , levaram-nos a tudo o que é canto, subida, e descida , acho que ficámos todos a conhecer as gaivotas que por lá andam... e digo-te quando regressámos nem sentimos nada de mar (tal não era o cansaço).

Beijão e boa continuação de férias

Teresa

Noah disse...

Olá,
Nem uma escadaria maior me faria desistir de conhecer.
Bjô.ôs

Rita Duarte disse...

Olá
Eu já estive acampada nas Berlengas durante 4 dias com uams amigas, gostei imenso mas como tu não sinto vontade de voltar.
Ao contraio de ti fui na barco normal que faz o transporte e digo-te que se andasse mais 1 minto que fose lá ia tudo o que tinha no estômago.
Beijos
Rita

Kristal disse...

Amiga, tu não existes mesmo.
Esta tua narrativa matou-me de tanto rir, tu és o máximo.
As fotos estão espectaculares, sensacionais! Parabens ao Fotografo ;)
Bjinhos e que bom q tu voltastes tava com saudades dos teus posts!
Boa semana.

calma que estou com pressa disse...

oh menina1 que praia linda e as escadas hein? não precsa nem de academia!
e t querendo conhecer o Brasil e eu querendo conhecer o te país!
achei linda as fotos, pelo jeito as férias foram boas apesar dos pesares!
bjs

Elaine Ligero disse...

Oi! Tudo bem?
Passei para te desejar boa semana!
Beijo,
Elaine Ligero
Bell'Arte

Carla disse...

Alta saida e as fotos estão lindas, que inveja, adorava ter ido com voces, mas minha amiga vai lá outra vez comigo, não vai?? ih ih ih Beijão linda, ainda estou sem pc este é de emprestimo

Ana disse...

Olá,
Acho que me deu vontade de conhecer as Berlengas, apesar de tudo... Sabe sp bem uma viagem cultural. Este fds, fui passear até à Figueira, mas fui trabalhar p o bronze... Adorei as fotos, Beijinhos

Fiosdealfazema disse...

Olá meninas,cá vou eu responder aos vossos comentários. Começando pela Teresa:
Eu não emagreci nada, aliás almoçei numa das duas pausas que fiz para subir aquilo tudo!!

Noah, pois, nem a mim...

Rita, tu entendes-me, é que não há muito para fazer não é?

Krystal, beijos amiga

Lu, o meu país tem coisas lindas, só é preciso olhar para elas... e as férias foram óptimas

Elaine, boa semana também para ti

Carla, minha querida é claro que volto lá contigo! Desde que não te importes de ir num semi-rígido a alta velocidade!! É a unica maneira de me apanharem nas Berlengas

Ana, vale sempre a pena conhecer. Eu adoro viajar!! E é optimo para trabalhar para o bronze, até porque se vê rápido e depois não há mais nada para fazer.

Maria Amélia disse...

Lindas fotos. E as escadas...boas de olhar e se um dia for às Berlengas me contentarei em fotografá-las (risos). Um gd beijo e um ótimo retorno ao trabalho.

M. Céu Fernandes disse...

Olá querida.
Já estive em Peniche mas as condições do mar não eram as melhores para irmos ás Berlengas. Por isso, teve de ficar para uma próxima oportunidade. Mas aquilo lá é lindo!
Bjs e boa semana.
M. Céu

✿✿✿ disse...

Adorei as fotos...só aquela agua limpida já me deu vontade de lá ir... obrigada pela dica das escadas...acho que fico-me por um mergulho!
bjs

Pipocas e Azeitonas disse...

Ah! Também lá estiveste!
A Ana (DaAnaRo) ficou-se por Peniche, noutro tipo de aventura.
Belíssimas fotos, as vossas.
Obrigada pela partilha.
Boa semana
Bjs
Manela

coisasdapipoka disse...

OLá
Parabéns tives-te muita coragem.
Conheço Peniche há mais de vinte anos e nunca tive coragem de ir ás Berlengas, conheço-as por fotos (e... chega) estou de partida para ir passar uns dias a Peniche, e ainda não vai ser este ano a ida ás Berlengas.
bjinhos
Guida Vieira

EMPRESÁRIA DE SUCESSO disse...

BERLENGAS!
Também já pensei em ir, só falta arranjar coragem e companhia...
Talvez vá, mas neste momento fico pelas fotos, estão lindas, obrigada pela partilha, boa semana.

Maria Tavares disse...

E porque é que só agora depois da minha "choradeira" é que me disseram que a volta é feita ao contrário????
Fica-se na praia da aldeia dos pescadores onde a subida é feita em rampa logo muito mais simples e depois descem-se aqueles degraus todos até ao Forte, isso mesmo... descem-se, não se sobem... porque é que ninguém me disse isso antes hein?????

Maria Tavares

Artemarecos disse...

Ora, ora, que bom que correu tudo bem!!!Adorei estas fotos (Quem terá tirado??!! :-) )... Não imaginava que fosse assim...nunca lá fui... mas achei bonito, pelas fotos que aqui apresentas...
bj

FUXIQUICES disse...

Olá!!!
Mas que mulher corajosa!!!! só de ver aquele caminho sobre o mar, sem grades nem proteção nenhuma nas laterais, fiquei tonta....LOL Não sei se teria coragem. O lugar é lindo e as fotos estão otimas, mas não senti votade de conhecer.
Beijinhos

isabel tiago disse...

Boa tarde Maria

Já andei fugida por um tempo e vai continuar mais ou menos assim, por mais algum.
Muita pouca disponibilidade para blogar.
Pois andei a cuscar as novidades, que são muitas e bonitas, e gostei.
Parei aqui nas Berlengas, porque também conheço e de várias formas. A primeira vez que lá fui, em Junho ou Julho de 1976, num barco de apanha do limo, onde se fez uma caldeirada com água do mar, quem sabia e pôde, mergulhou e eu apreciei a paisagem. Na verdade não tem beleza por aí além, mas o mar à sua volta é outra coisa...pois mar é mar, sempre bonito em qualquer lado.
Não sei se ainda está de férias e em caso positivo, desejo uma ótima continuação, senão...bons trabalhos.
Isabel Tiago